Um filho rico de um rico pastor, escrevendo sobre sua vida dentro e fora da igreja; em uma sutil forma de poesia.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

"Rebelados

Longe do Criador e de sua grandeza,
Desafiando-O com soberba,
Escondendo nossa fraqueza,
Vazios em nossa própria sombra;

Se o princípio da sabedoria,
É o temor a Deus então Ele diria,
Que a penas um louco viveria,
Em meio a tanta lama;

Pois estamos sujos e marcados de sangue,
De nossos próprios irmãos e que ninguém mais clame,
Para que um deus nos ame,
Pois nenhum deles aprovaria esta discrepância;

Entre o humano e o divino,
Que desde menino,
O homem aprende a respeitar o sino,
Da igreja que hoje é demolida em nossa liderança."

Nenhum comentário:

Postar um comentário